Projecto Educativo 2020/2022

 

Plano de Atividades 2020/2021

 

 

ATIVIDADES AO LONGO DO ANO

 

1 - Desfolhada123098662 1135435040238725 3263974352482487258 n

Ao começar um novo ano letivo temos por tradição realizar as festas de Outono.

No dia 4 de setembro realizamos a Desfolhada, tendo por objetivo recriar e dar a conhecer as tradições populares e estabelecer interação com as famílias para a recolha de vestuário e acessórios alusivos ao dia. Ao som de música popular, as nossas crianças ajudaram a desfolhar o milho pois quando todos ajudam, nada custa... Pelo meio alguém encontrou uma espiga vermelha. Será que andou a dar um beijo a todos??? No fim de todo o milho desfolhado, comemos um lanche reforçado e soube mesmo bem!!!

 

2 - Dia Internacional do Idoso

As crianças da nossa instituição foram visitar os idosos ao Lar no dia 2 de outubro, este encontro teve por objetivo fortalecer o convívio entre diferentes gerações. Assim, as nossas crianças demonstraram o carinho que têm por eles, cantaram-lhes uma música criada pela equipa pedagógica, intitulada "Hoje é dia do Idoso" e no final convivemos todos juntos.

 

3 – Dia Mundial da Alimentação

No passado dia 16 de outubro sinalizou-se o dia da alimentação. Como temos vindo a trabalhar com as crianças a multiculturalidade, nada melhor do que celebrar este dia confecionando uma iguaria de um diferente país/continente.

Assim, crianças e adultos puseram mãos à obra e envolveram-se numa experiência de culinária.

O berçário e sala de um ano confecionou pizza, prato típico italiano. Contudo, pensa-se que já há muitos anos os egípcios faziam este tipo de comida. A pizza consiste num disco de massa (parecida com pão), com molho de tomate e outros ingredientes como carnes fumadas e queijo.IMG-20201030-WA0007

As crianças do berçário 2 e sala ½ anos “panaram” banana e fritaram. Este fruto é originário do Sudeste asiático, mas também é cultivada em muitos países, nomeadamente em Portugal (Madeira). A banana frita é um acompanhamento perfeito para acompanhar carnes, como a picanha do Brasil.

A sala dos 2 anos preparou umas saborosas panquecas. Há muitos tipos de panquecas, as americanas são feitas à base de ovos, farinha e leite. Normalmente levam mel como molho que lhe confere um sabor adocicado.

Os meninos da sala dos 3 anos confecionaram scones. Tiveram origem na Escócia, mas são tradição em todo o Reino Unido, acompanhando muitas vezes o tradicional chá das cinco. São uma espécie de pãezinhos feitos à base de farinha, manteiga e leite.

A sala dos 4 anos fez um delicioso sumo de manga e laranja. A manga é um fruto nativo do sul e sudeste asiático, introduzida depois em Portugal. A laranja foi também trazida da China pelos portugueses. A laranja doce é conhecida em alguns países como “portuguesas”.

As crianças da sala dos 5 anos confecionaram um doce de origem africana, o cumbe. É um doce de coco e leite de coco que junto com outros ingredientes são moldados em pequenas bolas e envoltos em coco ralado, parecidas com os brigadeiros.

O CATL preparou os famosos crepes franceses. Na verdade, existem iguarias semelhantes em muitos países, mas são mais populares em França. Consistem numa espécie de panqueca fininha feita à base de farinha, leite e ovos.

E assim os nossos meninos ficaram a conhecer diferentes iguarias da gastronomia mundial. 

 

4 - MagustoImagem-1

Aquela a que chamamos a festa das Castanhas, o famoso Magusto chegou…com muito solinho a fazer jus à lenda!

 

Este ano o Magusto foi feito separadamente em cada valência, por salas, devido ao vírus que já todos conhecemos.

Começamos o dia a recordar, para alguns, a ouvir pela primeira vez, para outros, a Lenda de S. Martinho porque já não nos lembrávamos muito bem e outros nem conheciam.
Imagem-2

As lembranças reavivaram-se e até aqueles que contactaram com a história pela primeira vez ficaram radiantes,uns dedicaram-se à exploração da história através do teatro, outros com teatro de sombras chinesas e ainda outros aprenderam todo o processo de confeção da castanha cozida.

Realizamos um registo da mesma para mais tarde recordar. Estes registos ilustram como estamos a crescer e a representar graficamente cada vez melhor o que vemos, vivemos e sentimos.

Terminamos o dia, uns com uma mini-fogueira no pátio, outros a lanchar no refeitório por sala, depois comemos as castanhas assadas na fogueira, no forno e até cozidas na bimby e de forma tradicional, ainda bebemos sumo e chá.

Foi um S. Martinho muito delicioso…como o tempo!

 

5 - Festa de Natal20201223 000848423120201222 235246740

Este ano, o Natal foi celebrado de uma forma diferente, mas não menos intensa! Entre as várias atividades realizadas nesta quadra, destacam-se a elaboração da carta ao Pai Natal, atividades de expressão plástica (enfeites, postais, etc.), de música, histórias e até mesmo uma peça de teatro: “Quem dá prenda ao Pai Natal?”

Não foi realizada a tão típica “Festa de Natal”, mas o Pai Natal não se esqueceu das nossas crianças… e visitou-as a bordo de um trenó especial com renas especiais! As crianças aguardaram a sua chegada na Praça e, quando o viram, deliraram com a sua chegada! Foi um momento mágico!

Fizemos um almoço de Natal com um cardápio natalício. E num ambiente decorado a rigor, as crianças deliciaram-se com as iguarias!

Esta é a magia do Natal! Que este espírito nos faça acreditar que tudo vai melhorar…

 

6 - Dia do Paidia pai2dia pai1

As nossas valências infantis, de regresso, depois do confinamento, dedicaram os seus primeiros dias à realização dos trabalhos para o dia do PAI. Apesar de ser um ano diferente, não quisemos deixar passar este dia tão importante sem darmos um miminho aos nossos pais. A todos os pais dos nossos utentes “mais pequeninos” um dia recheado de surpresas. 

 

 

 

7 - Dia da Mãedia mae2dia mae1

 

Com a aproximação de uma data especial: o dia da mãe, as crianças da nossa instituição dedicaram-se durante os últimos dias a preparar pequenas surpresas para as mães.

 

Desde trabalhos de expressão plástica a pequenas lembranças, canções e docinhos, tudo foi realizado com muito carinho e empenho.

 

Aproveitamos para desejar a todas as mães um feliz dia da MÃE!

 

 

8 - Semana da CriançaIMG 20210602 110816

“Ser criança é ter o dia mais feliz da vida, todos os dias” e, ao longo de uma semana, procuramos torna-las ainda mais felizes, com diferentes e divertidas atividades.

A Praça tornou-se o palco principal para a realização de espetáculos: a peça de teatro “A princesa e a ervilha” protagonizado pelas educadoras e também atuações das crianças do Jardim de Infância. Cada sala apresentou uma música representativa de uma cultura, trabalhando assim o projeto educativo “A amizade não tem cor”. A sala dos 3 anos apresentou uma canção africana chamada “Kokoleoko”, a sala dos 4 anos uma canção sobre índios e a sala dos 5 anos uma música country e dança do ventre.

IMG-20210528-WA0006

Ao longo de vários dias as crianças também puderam realizar vários jogos, danças, gincanas, saltar à cama elástica e ainda fazer biscoitos e piqueniques.

No Dia da Criança tivemos ainda direito a uma lembrança muito especial, feita pelos idosos do lar, que nos presentearam com uma visita cheia de amor e carinho.

 

 

 

9 - Dia do nariz vermelhoIMG-20210609-WA0013IMG-20210609-WA0003

 

“Junte-se ao Dia do Nariz Vermelho e ajude-nos a levar alegria às crianças hospitalizadas.” 

 

Acreditamos sempre que causas nobres devem ser abraçadas, ajudar o próximo nunca deve ser uma obrigação mas sim uma missão. São princípios como estes que queremos transmitir desde muito cedo às nossas crianças, ajudar com alegria, ser solidário e principalmente, passar a mensagem: "faz aos outros o que gostarias que fizessem por ti".   

Foi com muita alegria, que as crianças da nossa instituição vivenciaram o Dia do Nariz Vermelho e meteram o nariz por esta causa adquirindo os diferentes objetos (nariz, garrafa de água e lancheira), fornecidos pela associação “Operação Nariz Vermelho”. Neste dia, também perceberam qual é a missão dos doutores palhaços, nada melhor que arrancar umas belas risadas a quem tem tão poucos motivos para sorrir, sem dúvida uma missão difícil, mas muito gratificante quando o objetivo é conseguido.